Meu nome é Sibele Januckaitis e a 1ª experiência que tive com vendas foi na faculdade. Eu vendia de tudo! De lanche natural, trufa de chocolate, biquínis, lingerie…enfim….eu me virava para ter um dinheirinho, mas nunca levei a área de vendas muito a sério, achava que isso não era pra mim…era um quebra galho, sabe como?

Cheguei a viajar de ônibus para Bahia com 7 reais no bolso e uma caixa cheia de cangas no bagageiro para vender na praia. O que pagou a minha estadia em Arraial da Ajuda em julho de 1994. Basicamente a minha rotina era acordar cedo, montar um varal com as cangas na areia da praia e aguardar os interessados…adivinha? Voltei com a caixa vazia e dinheiro no bolso! Uma boa história para contar, queimadinha do sol e apaixonada pela Bahia….paixão que nunca mais me deixou 😉

Graduei em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo na turma de 1995 e exerci o jornalismo por muito pouco tempo, logo percebi que eu não mudaria o mundo através dele e queria muuuuito mudar o mundo. Eu queria contribuir.

1º Parada: NYC

Foi a área de vendas que mudou a minha vida! Minha primeira grande experiência aconteceu quando morei em Nova York por 2 anos, fui descoberta como uma grande batedora de metas! Eu mal falava a língua, então meu 1º trabalho foi na reciclagem de lixo de um condomínio residencial em Upper West Side, onde eu só tinha que separar o material (ficava o dia inteiro fechada em uma salinha e não precisava falar com ninguém…a não ser com meus botões….tipo: o que eu estou fazendo aqui?).

Depois com a evolução da língua fui trabalhar em um lar de idosos no Queens e aí a experiência foi mais interessante….eu atendia uma senhora chamada Mary,  ela era bem idosa mas lia todas as manhãs o jornal da bolsa de investimentos. Ela tinha sido uma grande executiva.

Eu  nunca tinha visto se quer um ser humano com mais de 60 anos anos…e agora além de vê-los…eu deveria tocá-los, afinal, o banho era por minha conta. Foi interessante! Acho que fiz a diferença na vida daquelas pessoas, mas em alguns meses, senti necessidade de dar mais um passo. Fui procurar emprego como vendedora nas lojas de Manhattan e achei! O dono de um grupo de lojas esportivas de Manhattan,  me disse que eu não falava muito bem, mas que tinha gostado de mim… me daria uma chance.

Ele era meio doidão….tinha um quadro enorme do Bob Marley atrás da mesa dele, mas uma coisa ele sabia fazer bem….marketing. E foi o que aprendi com ele. A loja que eu atendia, ficava na 42nd Street em frente o Bryant Park, local que acontecia o Fashion Week NYC! E eu acompanhava a entrada e saída de todas aquelas pessoas super produzidas, como se estivesse assistindo um filme…e viver em NYC é um pouco assim….as vezes a gente acha que está fazendo parte de uma grande produção do cinema.

Bom, mas voltando as vendas…. eu realmente não falava muito bem, mas entendia tudo. Qual foi a estratégia que montei para atender os clientes que entravam na loja? Pendurei uma caneta no pescoço e coloquei um bloco de papel no bolso da calça.

A todos que chegassem na loja eu perguntava como poderia ajudar e eles me diziam que só estavam dando uma olhada….e eu fazia algumas perguntas chaves para entender exatamente o que a pessoa precisava e anotava no meu bloco.

Por exemplo, se a pessoa me dissesse que precisava de um tênis pra correr, eu já emendava as seguintes perguntas: quanto tempo você corre? Diariamente? qual o seu peso? o seu pé é largo ou estreito? Alto? Gosta de tênis colorido ou do tipo mais discreto? Enfim….eu fazia o cliente falar…anotava tudo no meu bloco e entrava no estoque e tentava ser o mais assertiva possível.

Bingo! Era quase que uma venda garantida!

Foi assim que chamei a atenção do meu chefe…e foi assim que ele se interessou pelo meu processo de vendas

Em alguns meses bati todos os recordes de venda da companhia e fui convidada para montar e ser a responsável pelo treinamento dos novos vendedores, deste momento em diante….a venda nunca mais me deixou. E digo isso porque em alguns momentos da minha vida eu quis deixa-la…

De volta ao Brasil

De volta ao Brasil estudar marketing na ESPM e ingressar no boom de empresas ponto.com nos meados de 2000 me pareceu o mais acertado, porém na área de marketing, certo? Errado. 

Foi em uma empresa nascida em uma sala da Submarino que eu tive o meu 1º emprego na área de vendas com carteira assinada. A Officenet antiga Staples foi uma grande escola. Foi lá que além de descobrir um grande potencial em liderança, convivi com grandes vendedores (alguns que não ocupavam cargos em vendas..rs)

A paixão por dividir conhecimento, participar da formação de pessoas e pela área comercial proporcionou algumas grandes oportunidades como a participação na montagem e liderança de algumas áreas de vendas, a coordenação da área de treinamento e desenvolvimento de pessoas e a gerência de RH alguns anos depois. Ou ainda participar da construção da área comercial  e estar na liderança do time de vendas do maior laboratório fotográfico da America Latina, a Digipix, por 10 anos.

Há 7 anos eu comecei me preparar para o momento que vivo hoje.

Com a proximidade dos 40 anos, algo mudou dentro de mim, comecei a sentir que tinha sido dragada pela rotina do dia a dia, pela necessidade dos outros…eu tinha desaparecido….aquela garota de NYC tinha desaparecido…

Casada e com uma filha pequena, trabalhando sob pressão, fui tomada por uma imensa frustração….parece muito clichê, mas a pura verdade…eu não sabia ao certo o que queria , mas tinha certeza que não era aquilo que eu estava vivendo….eu havia me distanciado de tudo que eu mais gostava.

Entendi que era hora de fazer um resgate, eu não sabia mais quem eu era, do que eu gostava, o que me dava prazer.

Foi aí que descobri o processo de separação. Dolorido. Necessário.

Sai em busca de ajuda e dei muitas voltas, eram muitas feridas abertas e eu precisava continuar trocando o pneu com o carro andando. Foram muitas formações nos últimos anos….muitos cursos aos finais de semana e a noite, mas eu me achei e voltei para a área de vendas.

Minha vivência em startups e estruturação de áreas, visão sistêmica, habilidade em executar fortaleceram a minha vontade em empreender. Nos últimos anos eu tenho consolidado minha experiência em técnicas e metodologias e utilizado as nas novas áreas que atuo como coach,  trainer e consultora voltada as minhas experiências.

Tenho diferencial?

Meu diferencial? Tenho alguns, mas um que eu gosto muito de citar quando estou estruturando uma área de vendas ou treinando uma equipe é que eu já estive em ambos os lados. Já fui vendedora de sentar na PA, já fui gerente de vendas, já fui RH. Outro bom exemplo é que já estudei bastante, mas também já vivi muitas coisas na vida.

A Sinergia Organizacional Consultoria foi criada por mim e veio para consolidar a minha vivência de mais de 20 anos em vendas e gestão de pessoas.  Tem como missão fazer exatamente o que o nome diz. Somar várias forças em prol de um objetivo em comum.

Seguramente a minha busca em relação a uma forma de contribuir para um mundo melhor nunca esteve tão perto de acontecer.

E por último: um conselho!

Um conselho que eu daria? Seja feliz todos os dias.

Não se contente com a felicidade após as 18hrs, aos finais de semana, nas férias ou na companhia de outras pessoas que não seja você.

É possível ser feliz todos os dias. Aceite-se, acolha-se, prepare-se, planeje-se, é possível. Se não souber por onde começar, peça ajuda, mas faça o seu turn around, como se diz na vida corporativa e vá ser feliz.

Sibele Januckaitis, tem 46 anos, é Master em Programação Neuro linguística pela Sociedade Brasileira de PNL , Coach formada pelo Instituto Brasileiro de Coaching , analista certificada para aplicação de DISC e Motivadores pela TTI Sucess, Empreteca e Reikiana.

Sócia e Fundadora da Consultoria Sinergia Organizacional Construção de Equipes e Processos e da Artesanalle Bolos Integrais.

Mãe da Nina, uma garota encantadora de 11 anos, separada, filha do Senhor Alcides e da Dona Carminha, nascida na Mooca em 1972 moradora da região de Pinheiros há mais de 18 anos, adora a Bahia,  o mar, andar de bicicleta e tomar banho de mangueira. Uma eterna apaixonada pelas coisas simples da vida!

 

Sibele Januckaitis é Empreendedora, Trainner, Coach e Consultora.
Sócia-fundadora da Sinergia Organizacional – Construção de Equipes e Processos e da Artesanalle – Bolos Integrais

contato@sinergiaorganizacional.com.br
@artesanalleb
(11) 9 9939.7950